Festa do Divino

Igreja Matriz de Nossa Senhora dos Remédios
em Paraty no Rio de Janeiro

 

 

Igreja Matriz de Nossa Senhora dos Remédios


Foto da Igreja Matriz Sua construção foi iniciada em 1787, com a finalidade de substituir uma outra igreja de pedra e cal, de 1712, e considerada pequena para atender a toda a população de Paraty. A obra foi por diversas vezes paralisada por falta de verbas. Finalmente, graças à ajuda de D.Geralda Maria da Silva., em 1873, foi entregue ao culto público.

De estilo neoclássico, sobressai por sua imponência e, ao mesmo tempo, pela sobriedade e despojamento, característicos desse estilo. Sua planta tem traçado característico do século XVIII; nave única e dois corredores laterais compartimentados e ligados à nave central. Entre as imagens destacam-se a de N. S. dos Remédios, provavelmente adquirida na Espanha no século XIX, e as imagens da Via Sacra , todas em tamanho natural. A Matriz era a igreja freqüentada pela burguesia branca de Paraty. As irmandades do Santíssimo Sacramento, de Nossa Senhora dos Remédios de São Roque e de São Miguel das Almas já funcionaram ao lado da Confraria do Terço, mas hoje, de todas, apenas resta a Irmandade do Santíssimo.

Atualmente em suas galerias superiores funciona a pinacoteca Antônio Marino Gouveia, com obras de Anita Malfatti, Djanira, Di Cavalcanti, Armando Viana, Franck Sheaffer, J.Graz, integrantes da "Semana de 22" e outros.

Localização - Rua da Matriz.
Visitação Turística - Das 9 as 12 e das 14 as 17 hs.